Apoio:
Anúncio

Radiocultfm

Diversidade Cult

Não tem pit para fotógrafos!

Fala galera, Rogério Bezerra aqui! Você fotógrafo, já chegou para clicar um show e constatou que no local não tinha pit para fotógrafos? E para piorar, o show era de uma banda punk ou heavy metal? Aí você pensa: Ferrou!

Muitos fotógrafos de shows já passaram por esses perrengues ao menos uma vez na vida, e quem está começando agora nesse estilo de fotografia, vai passar! E por experiência própria, a primeira vez é desesperador. Lembro-me do meu primeiro show fotografando no meio do povão, eu tinha um equipamento super básico: uma Sony a350 com lente do kit 18-70. O show foi no finado Teatro Odisseia, no Rio de Janeiro com The Mission, banda britânica de rock gótico. Então imagina: luz horrorosa (aquele vermelho típico da casa), muita fumaça e o povo se amontoando em frente ao palco. Tive que fazer milagre com a lente do kit.

The Mission – Teatro Odisseia 2014
The Mission – Teatro Odisseia 2014

Depois desse show, coloquei uma meta: preciso de uma lente tele com urgência, já que a agenda de shows para fotografar estava aumentando e eu estava ganhando mais experiência.  Corri atrás e consegui uma usada da Sony, uma 75-300, só havia um detalhe (erro de principiante): a lente era escura! O que isso quer dizer? Abertura máxima f4.5 e quando em zoom completo, 300mm, f5.6. Que balde de água fria. Minha câmera não aguentava mais que 800 de ISO, mas era o que tinha. Meu primeiro show com essa lente, foi o Behemoth em São Paulo, tomei um couro de vara de goiabeira! No dia seguinte, fotografei a mesma banda no Circo Voador, no Rio de Janeiro. E adivinha? Não havia pit para fotógrafos! Não precisei me amontar no meio do povão que se digladiava em rodas punk e eu, são e salvo com meu equipamento numa distância segura do palco.

Behemoth – Circo Voador 2014

Ainda uso essa lente, inclusive, vejam o vídeo abaixo onde conto como foi fotografar o Rock in Rio com ela.

Então, resumindo: foi fotografar um show e não tinha pit para fotógrafos? Tenha em mãos uma lente tele para não passar perrengue. Não que seja ruim estar no meio da galera, mas para não ter problemas de esbarrões que possam danificar seu caro equipamento, é melhor evitar. Vou passar um setup básico que eu uso, não é uma regra, vejam bem, vocês são livres para configurar o equipamento de vocês. Falei acima que minha lente é escura, então a abertura varia entre f4.5 a f5.6 nas faixas de zoom, então para evitar fotometrar a todo momento, eu fixo a abertura em f5.6, subo a ISO entre 1600 e 2000, mas se necessário vou a 4000 mesmo deixando a foto um brigadeiro e velocidade do shutter em 1/160 a 1/250 (depende da luz do palco). Tenho um objetivo paro 2021 (era para esse ano, mas fazer o que?) em adquirir uma 55-250 da Sony f2.8, aí a coisa fica séria!

Capital Inicial – Rock in Rio 2019
Dave Mathews Band – Rock in Rio 2019
Whitesnake – Rock in Rio 2019

Espero que tenham gostado e até a próxima semana!

One thought on “Não tem pit para fotógrafos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *