Na Cova do Leão
Tom Leão - Na Cova do Leão

Radiocultfm

Diversidade Cult

Machete Bomb revive Madu Madureira em “MXT coMvida”

Madu Madureira no Machete Bomb em foto de Vinicius Grosbelli
Madu Madureira em foto de Vinicius Grosbelli

Luck Veloso – E os novos ventos de Curitiba nos trazem o som do Machete Bomb, com seu “MXT coMvida“. O disco é o resultado de uma entrega após coisas bem ruins que aconteceram na vida pessoal de Madu Madureira, líder e produtor do grupo. Após ficar viúvo e tendo que criar dois filhos pequenos, toda a galera do bem que o cerca incentivou o cara a seguir em frente. E assim ele fez.

E como a união sempre é mais, o cara aproveitou todos os que estavam dando força e positividade no difícil momento que atravessava para serem os artistas convidados do novo trabalho! E a Mix_Tura, para seguir no clima de trocadilho do disco, manda o recado logo em “Abertura“, primeira faixa do disco:

Falar sério é muito mais difícil do que fazer gracinha e piada, mas pensando em você, e na história, eu, talvez se eu me esforçar, eu consiga me lembrar das coisas riuns, mas eu acho que eu não to a fim de me esforçar para me lembrar de coisa rium…”

Madu Madureira no Machete Bomb em foto de Vinicius Grosbelli
Madu Madureira em foto de Vinicius Grosbelli

O climão é bem produzido, com batida rap e reverbs dando uma maior dramaticidade à poesia derramada por Madu Madureira, ao longo das faixas do álbum. Existem várias influências das boas no disco, como a poesia e o rap, notados logo no começo e também ecos de samba e vocal gutural, todos os temperos muito bem costurados pelas bases eletrônicas.

Amigos e artistas convidados vão soltando o verbo sobre o momento difícil em que Madu atravessa, aliando ao texto, críticas sociais, entre eles, Fred 04 (Mundo Livre S/A), Lemoskine, Lobato (O Rappa), Mateo Piracés-Ugarte (francisco, el hombre), Mulamba, Nave, Odair José, TUYO e Xandão (O Rappa), BNegão, Dedé Paraízo (Demônios da Garoa) e Egypcio (Tihuana). O resultado não poderia ser outro, um disco intenso e visceral, com 12 faixas mescladas entre musicalidade e live sessions, em 1h de puro sangue latino. A esposa de Madu, onde estiver, com certeza está feliz. Absorva sem moderação!

Confira abaixo e conte aí nas nossas redes o que achou!

Instagram Machete Bomb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *