publicidade:

Radiocultfm

Diversidade Cult

Lula sai da prisão em Curitiba – classe artística fica dividida

Por Luck Veloso – fotos de Nem Queiroz – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que ficou preso em curitiba durante 580 dias, ganhou a liberdade em 8 / 11 , aproveitando-se da decisão do Supremo Tribunal Federal, que proibiu a antecipação para cumprimeno e pena antes do chamado trânsito em julgado de sentença condenatória.

Nomes da música e da arte opinam sobre Lula:

Lula esteve no poder de 2003 a 2011 mas nunca deixou de se articular nas esferas políticas. O ´presidente´, como segue sendo chamado, tornou-se ao longo da vida política, um dos mais conhecidos e reconhecidos políticos do planeta, chegando a receber apoio de estrelas como Bono Vox, vocalista do U2 e mais recentemente, ganhou uma versão “Lula Livre” de Ziggy Marley, filho do rei do reggae, Bob Marley, além de apoiadores de sempre, como Chico Buarque, o fotógrafo Sebastião Salgado, entre muitos outros. Contra a decisão, estão Lobão, que já chegou a chamar o ex-presidente de psicopata e Roger Moreira, líder do Ultraje a Rigor, que em março de 2019 se pronunciou sobre a possível ida de Lula ao enterro do neto: ” Ok, mas mesmo esquema, né? Leva o neto até o quartel. Senão, já sabe: vira palanque”.

Muitos alegam que a prisão do ex-presidente foi um ato político e muita gente segue afirmando que, caso decisa por pedir a libertação mesmo, Lula seguirá fazendo disso um acontecimento, assim como o fez para seguir para a prisão. Resta saber se ao final do cabo de guerra, quem sairá vencedor, se apenas as manobras políticas ou o povo. E você, o que acha da possível libertação de Lula? Conte aí abaixo no espaço para comentários!

One thought on “Lula sai da prisão em Curitiba – classe artística fica dividida

  1. “Artigo 5° inciso LVII da Constituição Federal . Todos tem direito a defesa até que se esgotem todas as instâncias”. A cláusula é PÉTREA! O STF apenas votou com a Constituição. Curioso é ministros superiores votarem contra a Constituição. Mais que provado que a prisão é puramente um ato político, onde do outro lado está um juizeco ( que comprovadamente se vendeu pra virar ministro e ganhar holofootes) articulador de um maquiavélico plano de poder junto com um desembargador, também explicitamente hipócrita, não me surpreendo se ainda assim, as coisas não se resolverem, a justiça se fazer valer e a Constituição for novamente rasgada! Só mesmo uma Revolução! Mas este país….de gado gordo e bem alienado há de seguir a sua sina…A de baratas batendo palmas para o inseticida! Pobre de direita urghhhh!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo