Rock on The Roof entra na terceira temporada com review sobre Villains, do Queens of The Stone Age

Rock on The Roof entra na terceira temporada com review sobre Villains, do Queens of The Stone Age

1
376
0
domingo, 05 novembro 2017
Culturall

Por Luck Veloso – O projeto Rock on The Roof é uma empreitada corajosa, que acontece eventualmente no terraço do renovado Imperator, que após a reformulação, ganhou o nome merecido de Centro Cultural João Nogueira. Como convidado para abrir a terceira temporada, tive o privilégio de estar no espaço conversando com seu idealizador e pessoa que tem na comunicação sua grande marca, Alessandro ALR.

O desafio era: Falar sobre o novo disco do Queens of The Stone Age, “Villains” e discorrer sobre os assuntos que certamente viriam com o tema. Quando cheguei ao Imperator o espaço do terraço estava bem cheio, com famílias e muitas crianças, que agora frequentam o local, pois o mesmo possui um belo parquinho, com um fundo em uma linda pintura da artista gráfica Panmela Castro, batizado “Jardim da Sonoridade”, nome muito apropriado.

Precisei usar de toda a minha sinceridade ao falar que não chegava a ser fã do QOTSA, mas que admirei justamente por este motivo o convite para falar de uma banda que precisei estudar mais para participar do papo. Seria fácil falar sobre algo que eu já dominasse mais, porém a proposta do Rock on The Roof torna-se ainda mais rica ao propor ao convidado que se debruce sobre uma obra que pode não vir a ser a que ele mais conheça, como foi o meu caso. E foi maravilhoso, estar ali, conversando com o ALR e para a nossa felicidade, em frente a um público que chegou a preencher todas as mesas colocadas à disposição do evento.

Estávamos um tanto apreensivos por conta de ser em meio a um feriado mas tudo fiou perfeito. Na ocasião, além de vários brindes oferecidos ao público pela produção do evento, a Radiocultfm brindou a dois sortudos com uma Caneca Cult e com o livro “EU S/A – “Construa um exército de um homem só, liberte seu deus interior (do rock) e vença na vida e nos negócios”, de Gene Simmons, vocalista do Kiss, que nos havia sido presenteado pela companheira de músicas e grande parceira Edilene Baldam. O jornalista e crítico musical Jamari França, que sempre acompanha as edições do evento, também esteve presente nos prestigiando. Também presente, estava Paula Puga, da Mutante Radio e fundadora do Toca a Cena, importante polo digital dedicado à cena independente, entre outras pessoas fundamentais à continuidade do movimento musical no Rio.

Desejo vida longa ao projeto e peço que você, que está lendo este post, ajude a divulgar o trabalho feito no Imperator, tanto pela equipe do Rock on The Roof quanto do Rio Novo Rock, outro importante projeto que é realizado no espaço e que vem mostrando novas bandas de uma efervescente cultural que, ao contrário do que muitos propagam por aí, está sim em constante transformação, bastando você, que também gosta de novidades e boa música, acreditar e passar a frequentar, levando amigos, avante!

Confira abaixo o vídeo sobre o painel Jardim da Sonoridade, da grafiteira Panmela Castro:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *